Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro

enfermagem

Dia Internacional da Enfermagem é comemorado anualmente em 12 de maio.

Também conhecido como Dia Internacional dos Enfermeiros, esta data homenageia o trabalho e contributo dos enfermeiros e enfermeiras para a proteção da saúde nos hospitais.

O trabalho desses profissionais é essencial para garantir a recuperação e salvamento de vidas em perigo, seja nos hospitais ou demais instituições que necessitam da assistência continua de cuidados médicos.

Normalmente, durante este dia são organizadas atividades destinadas aos profissionais de enfermagem, como palestras e discussões que ajudam a potencializar as funções do seu trabalho.

Origem do Dia Internacional da Enfermagem

O Dia Internacional da Enfermagem é celebrado mundialmente desde 1965. Porém, oficialmente esta data só foi estabelecida em 1974, a partir da decisão do Conselho Internacional de Enfermeiros.

O dia 12 de maio foi escolhido como homenagem ao nascimento de Florence Nightingale, considerada a “mãe” da enfermagem moderna.

Florence Nightingale, de nacionalidade inglesa, nasceu em Florença, na Itália. Aos 17 anos, Florence Nightingale, que era cristã anglicana, decidiu ser enfermeira, acreditando ter um chamado de Deus para fazer enfermagem.

Foi na guerra da Crimeia, em que o Reino Unido participou entre 1853 e 1856, que o seu trabalho se tornou mais conhecido e ela foi chamada de “Dama da Lâmpada”, instrumento que usava durante a noite para ajudar melhor os feridos.

Florence Nightingale fundou a primeira Escola de Enfermagem secular do mundo na Inglaterra, em 1860.

Dia da Enfermagem no Brasil

O Dia Internacional da Enfermagem passou a ser uma data comemorativa no Brasil em 1938, quando a data foi instituída pelo então presidente Getúlio Vargas.

No entanto, no Brasil é comum a celebração da Semana da Enfermagem, que começa em 12 de maio (com o Dia Internacional da Enfermagem) e termina em 20 de maio (com a comemoração do Dia do Auxiliar e Técnico de Enfermagem).

3 comentários em “Dia Internacional da Enfermagem e do Enfermeiro

  1. Júlio Vaz disse:

    Realmente, a profissão de enfermagem precisa continuar a ser o chamado de Deus, como foi com a mãe da enfermagem, dedicar a sua vida a outros.

  2. Alceu Sebastião Cost a disse:

    DI A DO ENFERMEIRO

    HOMENAGEM ESPECIAL
    ÀS VÍTI MAS DA PANDEMIA E À BRAVURA
    DAS LINHAS DE FRENTE

    MÃE! ESTOU MUITO TRISTE, MÃE!
    A TUA PARTIDA PARA A ETERNIDADE
    FOI COMO NUM PISCAR DE OLHO,
    SEM O CALOR DE UM LONGO ABRAÇO
    NEM UM BEIJO NA TUA FACE DESOLADA.
    AS TERRÍVEIS DORES NO TEU FRÁGIL CORPO,
    A FEBRE NOS ELEVADOS PATAMARES,
    A FALTA DE AR SUFOCANTE, INUSITADA,
    EM VÃO A TENTATIVA HERÓICA DE SOCORRO
    DOS ANJOS DE ASAS AVARIADAS E CANSADAS,
    DO DESENLACE A FAMÍLIA AVISADA.
    A URNA LACRADA, SEM MOSTRAR O TEU ROSTO,
    NA BEIRA DA CAMPA, UMA ROSA NA MÃO,
    APESAR DA SAUDADE E DO INEGÁVEL DESGOSTO,
    O CORAÇÃO ENLUTADO, BATENDO ACELERADO,
    A DEUS PEDE CLEMÊNCIA, GENEROSIDADE E PIEDADE,
    AFASTANDO PARA SEMPRE DO PLANETA A PANDEMIA,
    ENQUANTO RETOMAM O SEU ESPAÇO O AMOR E A ALEGRIA.
    (MAS A MINHA TRISTEZA AINDA DEMORA A IR EMBORA, MÃE)
    POETA ALCEU SEBASTIÃO COSTA

    Nota do Autor: texto fictício, retratando a dura realidade que assola o Planeta Terra.

  3. O nosso dia só precisa ser valorizado .com reconhecimento de melhor salario, com gratificações ,menor carga horária menor ,aposentaria especial assim serenos uma categoria honrada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.